Kelvin sonha com G-6 mas avisa: "Temos que encarar a nossa realidade"

O São paulo vive uma situação complicada no Campeonato Brasileiro. Com 35 pontos, o Tricolor é o 13º colocado na tabela e está a quatro pontos da zona de rebaixamento. Apesar disso, as mudanças recentes do formato da Libertadores, permitem o time a sonhar com uma vaga no torneio em 2017. Isso porque, o Campeonato Brasileiro passou a ter seis vagas para a competição sul-americana, tornando o G4 em um G6. O fato animou o atacante são-paulino Kelvin, que não escondeu o desejo de disputar o torneio em 2017. “Temos de encarar a nossa realidade e nos preocuparmos com a parte de baixo da tabela. Depois temos que pensar jogo a jogo, como estamos fazendo. Achei legal a mudança do regulamento, dá mais chances (disputar a Libertadores). Talvez lá na frente possamos pensar em ficar no G-6 ou G-7”, disse. Mesmo com o novo ânimo, o jogador afirmou que o time precisa evoluir dentro do Brasileirão, para depois pensar na Libertadores. “Temos de melhorar porque é uma situação chata. O São Paulo não merece, é um grande clube, histórico. Devemos tirar o clube dessa situação. Nesse ano, tivemos um bom momento na Libertadores, a torcida comparecia e estávamos lá em cima. Hoje, pensamos que isso pode voltar a acontecer. É pensar no que pode ser feito para isso. Contra o Flamengo, jogamos de igual para igual”, concluiu.